Honda comemora 45 anos de produção da CG 160 com novidades

Honda comemora 45 anos de produção da CG 160 com novidades

Notícias 18/06/2021
Honda CG 160

Desde que a Honda CG começou a ser fabricada no Brasil, mais de 13 milhões de unidades do modelo saíram das linhas de produção da fábrica da Honda em Manaus, no Amazonas.

As versões para 2022 continuam quatro. A CG 160 Start traz novo design na moldura do painel de instrumentos e na carenagem frontal, com três opções de cores.

Leia mais: Shineray inicia venda de motos elétricas no Brasil

A CG 160 Fan e a CG Cargo também receberam nova moldura de painel, nova carenagem de farol e laterais do tanque redesenhadas interna e externamente.

Para a Cargo, a opção de cor é única, o branco, enquanto que para a Fan as opções de cores são três.

O modelo mais comercializado da família, a CG 160 Titan, recebeu também uma nova moldura do painel, nova carenagem de farol e de laterais do tanque, exclusivas do modelo, além de rabeta com laterais redesenhadas.

A suspensão dianteira faz par com a suspensão traseira bichoque, com amortecedores de dupla ação reguláveis na carga da mola.

As Honda CG 2022 são equipadas com sistema CBS – Combined Braking System, sendo a CG 160 Start equipada de freio dianteiro e traseiro a tambor.

Nas CG 160 Cargo, Fan e CG 160 Titan, o freio na dianteira é a disco e o traseiro a tambor.

A ergonomia melhorou na linha 2022 e a marca aponta com um dos destaques nas CG. Na versão CG 160 Cargo, a moto traz um bagageiro capaz de suportar até 20 kg, sendo um equipamento de série.

O motor de 4 tempos com sistema de comando de válvula no cabeçote é oferecido nas versões Cargo, Fan e Titan. Sua potência máxima é de 15,1 cv (etanol) e 14,9 cv (gasolina).

PREÇOS

A Honda divulgou também os preços da linha 2022 da CG 160. A versão Start tem preço de R$ 10.520, chegando a até R$ 13.040 na configuração Titan, sendo a mais cara da linha.

MERCADO

De acordo com dados da Fenabrave a Honda CG 160 é a moto mais vendida do Brasil em 2021, números atualizados até o mês de maio.

São 114 mil emplacamentos computados nos cinco primeiros meses do ano, uma boa diferença para a segunda colocada.

Aliás, as três motos mais vendidas são da Honda, com a Biz 110i e a NXR 160 completando o top 3. No entanto, a disputa é acirrada em outras categorias com motos de marcas diferentes.

Um exemplo é a Harley Davidson, preferida na categoria “Touring”, que são modelos de grande porte pra quem curte viagens em veículos de 2 rodas.

Se inscreva em nosso canal no youtube

Tags:

Continue lendo