Renault Kwid elétrico chega no Brasil em 2022

Renault Kwid elétrico chega no Brasil em 2022

Notícias 15/11/2021
Kwid elétrico

2022 promete ser um ano de invasão de carros elétricos no Brasil, e um dos lançamentos confirmados é o Renault Kwid E-TECH.

A informação foi confirmada pelo CEO do Grupo Renault, Luca de Melo. “O Brasil é um mercado estratégico para a Renault.”

“Iremos avançar com a eletrificação da nossa gama, utilizando todo o nosso ativo tecnológico de 10 anos de experiência em veículos elétricos, o que nos coloca na vanguarda neste segmento.”, afirmou Luca.

Leia mais: Duster ganha novo visual na Europa

A Renault anunciou em março deste ano um investimento de R$ 1,1 bilhão para a renovação de 5 produtos da sua gama atual e 2 novos veículos elétricos.

Após a chegada do Zoe E-TECH Electric, em abril, o próximo veículo elétrico a ser lançado será o Kwid E-TECH Electric.

Em detalhes

Como a marca não deu muitos detalhes do carro, fomos em busca de informações sobre o Kwid elétrico vendido em outros países.

Certamente muita coisa será mantida para o modelo brasileiro. Mas, espere um Kwid movido a energia bem diferente deste com motor flex. A expectativa é por um elétrico compacto com mais tecnologia e um ambiente interno bem mais avançado.

A proposta da Renault é que o Kwid seja o carro elétrico mais barato do Brasil, portanto, deve ter preço abaixo dos R$ 150 mil reais, tendo em vista que o JAC JS-1 atualmente custa R$ 159.990, sendo o mais em conta neste segmento.

Sobre o Kwid E-Tech ele terá a mesma base do modelo City K-ZE, um elétrico da Renault vendido na China e muito parecido com o nosso.

Esse modelo também é vendido na Europa mas sob o chapéu da Dacia e com nome de Spring.

Por lá é equipado com motor elétrico de 44 cavalos de potência e velocidade máxima de 104 km/h, com autonomia de de 200 km.

No entanto, conhecendo o perfil do consumidor brasileiro, a Renault prepara um carro mais potente e com maior autonomia.

Neste caso, deve ter um motor com energia parecida com o 1.0 de 70 cavalos do Kwid a combustão.

Por dentro

No ambiente interno, uma evolução em termos de qualidade dos materiais e mais conectividade com os ocupantes, mas a tendência é que não seja tão tecnológico como o Zoe, o elétrico que a Renault já vende no Brasil há um tempo.

Lembrando que a proposta da marca é entregar o carro elétrico mais barato do País, portanto, não deve meter o pé e equipar o carro com uma vasta lista de itens.

Se inscreva em nosso canal no youtube

Tags:

Continue lendo