COMPARATIVO – Chevrolet Tracker x Hyundai Creta

O comparativo de hoje é entre dois SUV’s compactos – Chevrolet Tracker x Hyundai Creta.

A Chevrolet renovou o Tracker e trouxe uma boa novidade para o concorrido segmento dos SUV’s no Brasil.

Leia mais: Kit GNV – boa opção para gastar menos combustível

O carro entra na nova geração com boa expectativa já que antiga vinha importada do México e não fez muito sucesso no Brasil.

A versão de entrada custa R$ 82 mil, já conta com controle de estabilidade e tração, central multimídia My Link.

Mas o modelo não em apenas com estes itens não, tem muito mais e você pode conferir no vídeo acima.

Já o Creta é um fenômeno de vendas e foi o segundo SUV compacto mais vendido do Brasil em 2019.

Foram 57.471 emplacamentos, perdendo apenas para o Jeep Renegade com 68.737.

No entanto ele levou uma boa margem para o Honda HR-V, que alcançou 49.491.


CONJUNTO MECÂNICO

Aqui temos uma boa vantagem para o Chevrolet Tracker com seu motor turbo 1.0 de 116 cavalos.

Ele mostra que tem um conjunto mecânico bem mais acertado que o Creta nos dados de consumo.

De acordo com o Inmetro o Tracker bebe menos que o modelo da Hyundai (veja mais no vídeo).

O Creta para muita gente tem o consumo como vilão, outros dizem que conseguem números agradáveis ao rodar com ele.

A primeira opção de motor é a 1.6 de 130 cavalos para movimentar o carro de mais de uma tonelada e 200 de peso.

Além de Tracker e Creta

Trouxemos aí dois modelos do mercado de utilitários compactos mas você sabe que há outras opções.

Citamos o Jeep Renegade, o mais vendido em 2019, o HR-V da Honda, bom de mecânica e conforto.

Os franceses também são opções interessantes principalmente por que nos últimos anos as montadoras investiram pesado em tecnologia.

Prova disso é o novo Renault Duster, modelo conhecido pela robustez e o espaço interno.

Agora vem com tecnologia, como o sistema start e stop, partida por botão, ar-condicionado digital e sistema de câmeras para manobras.

Se inscreva em nosso canal no youtube

Tags:

Continue lendo